17 de fev de 2011

LEMBRANÇAS

Sei que já faz um tempinho que estou sem postar, mas é que a inspiração estava fraca...
Só que hoje acordei com uma angústia dentro de mim... uma saudade...lembranças vieram em minha mente...CHOREI...para lavar a alma, há alguns dias uma pessoa me disse que os olhos são o espelho da alma, portanto hoje usei meus olhos para lava-lá...ainda está dolorida, não sei porque só sei que assim não posso ficar...
    A pior coisa hoje foi lembrar da última vez que pude ver meu primo em vida...durante toda manhã a única imagem que estava na minha mente era ele passando por mim no carro, buzinava, sorria e acenava e é esta a cena que vou carregar até o último dia da minha vida...álias ontem na faculdade a professora nos surpreendeu perguntando qual era o conceito de vida...depois de meia hora tentando definir sem conseguir, ela nos entrega a resposta com estas palavras " VIDA= não existe conceito", fiquei frustrada e estou até agora mas o que é vida?
...Segundo o dicionário aurélio "Vida- è o  período que começa no nascimento se estendendo até a morte."
ERRADO a vida não começa ao nascer, pois antes mesmo de nascer já temos vida!
   Isso me deixou pensando bastante, começei refletir sobre a minha vida...sonhei que um digamos "EX-AMOR"...terminava o namoro com sua atual namorada em sonho eu ficava muito feliz...mas será que esse seria o sentimento que se apresentaria em mim se isto realmente acontecesse?...Acho que não, mas isto me deixou triste também em acabar relembrando todos os momentos que tivemos juntos os bons os ruins já apaguei faz muito tempo...assim não sofro novamente pelo que já passou a tanto tempo...
...Só sei que me sinto como se eu fosse um "NADA" como se ninguém lembrasse que estou aqui dá vontade de gritar"- Eu estou aqui olhem pra mim por favor".


"VOcê briga me ignora pisa na bola, sente saudade chora...vai ver a gente não
conhesse o amor direito prazer eu sou uma garota cheia de defeitos..."



BEIJO< FUI!

Um comentário:

  1. Uma das coisas + intrigantes e tenha plena certeza disso, questionáveis, é a "crise existencial", (como eu mesmo denomino), entre o homem entre o seu "Ser" e o q "Dever Ser".
    Um tanto filosófico, complexo e do ponto de vista "humano mortal", inexplicável. Quero dizer, q se pararmos e refletirmos um pouco, nós em "essência" e a sociedade a qual estamos inseridos, não permite a "satisfação total", seja ele emocional, pessoal ou profissional. Sempre há algo a mais q se deve buscar e temos q conseguir, do contrário, não seremos felizes.
    É assim q somos "ensinados" e devemos pensar, ser, agir, do ponto de vista social.
    Detalhe, não se pode esquecer dos nossos valores, do q é importante para nós, o q nos realmente torna "felizes", independente da "visão social". Pensemos nisso, e concerteza podemos talvez, não alcançar a "plena felicidade", mas, sem dúvida, passaremos vários momentos felizes conosco mesmo!
    Bjos pa tu mulekinha :)

    ResponderExcluir