21 de set de 2011

Os fantasmas do passado perturbando o presente...

O passado é uma cortina de vidro...E vidro...QUEBRA!!
E quando isso acontece precisamos varrer os cacos, colocar no lixo e providenciar uma nova cortina...


Infelizmente é impossível viver sem se quer de vez em quando lembrarmos do passado, até por que bom ou ruim, ele fez parte de nossa vida...Assim como o sol raras vezes passa por um eclipse sem a sua aprovação, o passado vem perturbar  o nosso presente, nos deixando inseguros do futuro...


Quando apenas pensamos no passado é ótimo, podemos controlar e escolher pensar nos momentos bons ou nos momentos que nos causam rancor...Mas há vezes que ele vem em forma de mensagens, telefonemas, recados e o pior quando ele vem em estado físico...E com ele a tentação, a mágoa, o inconveniente e desnecessário...E trazem então na bagagem a dúvida, o perdão em alguns casos...
...Ele é algo que já foi desgastado em muitos casos causa medo, medo de uma recaída em um momento de insanidade mental, ficamos felizes por sermos lembrados, mais logo em seguida acordamos vemos a nossa realidade, e que esse tempo já passou...
O mais importante agora é analisar se queremos que essa fase de nossa vida venha à tona se não quisermos, o primeiro passo é tentar afastar-se de tudo que lhe sufoca, que causa insegurança...E amar, mas amar a si mesmo, só conseguiremos amar alguém verdadeiramente, quando aprendermos a nos amar de todo coração...Aí sofrer fica difícil com esse amor correspondido...


Quando os fantasmas baterem a sua porta, grite da cozinha "Não tem ninguém em casa"!
Afinal tenho certeza de que quem esse fantasma procura não existe mais, por que a vida nos ensina e evoluímos, e desta forma mudamos por dentro e por fora...E a pessoa boba que existia dentro desse peito que batia descompassado, transformou-se em alguém que manda em si próprio e que sabe onde quer chegar.


"O verbo amor só deveria ser conjugado no presente e no futuro, pois quem diz que amou no passado, ainda não percebeu que amor é pra sempre."
          (Dayane Cristina) 

Um comentário:

  1. Passei por isso há alguns dias, talvez ainda esteja passando, mas é apenas o tempo necessário para entender que se fosse bom faria parte de mim até agora, que nunca teria ido embora assim teria evitado esse erro que se repetiu novamente espero q essa seja a última vez! Mas só assim pude mudar minha visão do passado, minhas idealizações ou sonhos do que poderiam ter sido, vieram agora me mostrar que o melhor jamais poderei encontrar no passado !

    ResponderExcluir